Card image cap

Comerciantes de Lajeado participam de encontro sobre empreendedorismo

29 de Setembro de 2021 | Noticias
Compartilhe:

A noite da última terça-feira, 28, foi repleta de aprendizados sobre empreendedorismo para os comerciantes urbanos e rurais da cidade de Lajeado. A oficina, conduzida pelo docente do curso de Administração do Centro Universitário Católica do Tocantins (UniCatólica), André Raposo Pereira, contou também com o apoio e participação do Curso de Medicina Veterinária e de alunos da Instituição. 

 

Segundo o professor André Raposo Pereira, a oficina foi um momento totalmente voltado à compreensão das características que acompanham o comportamento empreendedor. “O momento teve como base trazer a consciência, promover essa possibilidade deles se enxergarem enquanto pessoas capazes de avançar nas suas atitudes rumo aos resultados que eles desejam para os negócios. Na oficina, nós mesclamos aspectos conceituais, ligados à toda a compreensão que forma a base de atuação do empreendedor com três práticas, uma voltada para a atenção que é necessária ser dada ao visual do produto vendido, do estabelecimento, a questão de preparação de materiais para as redes sociais para divulgação dos produtos e serviços e fechamos com a apuração dos resultados para entender a dinâmica de receita, os custos e como apurar o lucro. Para nós, do UniCatólica, o momento foi extremamente satisfatório e percebemos que nesse pontapé na formação desses empreendedores, tivemos adesão, engajamento e é isso que queremos para começarmos a colher os resultados”, destacou o docente. 

 

Para a secretária de Administração, Lenizia Costa, a iniciativa já é fruto da parceria entre o UniCatólica e a Prefeitura de Lajeado. “O que aconteceu hoje aqui em Lajeado já é o resultado de uma parceria que já está consolidada com o UniCatólica. Nós recebemos esses estudantes juntamente com os professores dos cursos de Administração e Contabilidade no sábado, na comunidade Pedreira, e hoje realizamos a mesma oficina aqui em Lajeado. Os produtores e os empresários da comunidade que não puderam participar lá na Pedreira tiveram a oportunidade de participar hoje juntamente com o pessoal daqui, já estamos estudando novas oficinas e vamos atender a todos os pedidos dessa classe que realmente tem buscado empreender cada vez mais no nosso município”, frisou a secretária. 

 

O olhar dos iniciantes e de quem já está no ramo

 

Ana Caroline Ferreira Dias é empreendedora no ramo alimentício, na produção de lanches, e de estética, como extensionista de cílios. Segundo ela, o momento foi fundamental principalmente para esclarecimentos. “Eu achei muito interessante, ajudou bastante, deu para tirar dúvidas, a questão dos preços, da qualidade e da constância do produto”, disse a empreendedora. 

 

Já para Felipe Viana Barradas que é iniciante no ramo alimentício, e pretende instalar uma sorveteria na cidade, a oficina foi o primeiro acesso ao aprendizado no mundo do empreendedorismo. “Foi de grande valia o conhecimento dado aqui nessa aula junto com todos os comerciantes para podermos aprender sobre cada etapa que temos que fazer durante esse processo de planejamento do nosso negócio. Foi ótimo, pois a gente que está começando não tem esse contato com o meio e sobre como devemos agir, como vamos empenhar o nosso serviço para as pessoas. Estamos aqui para aprender!”, afirma Felipe.

Clique na imagem para expandir