Notícias

Prefeitura de Lajeado mantém em vigor o decreto que suspende atividades não essenciais 

Prefeitura de Lajeado mantém em vigor o decreto que suspende atividades não essenciais 

Estiveram presentes secretários municipais, profissionais da saúde e o prefeito Júnior Bandeira.

O Comitê Operacional de Emergência (COE) realizou na manhã desta quarta-feira, 15/04, uma reunião no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS)  para discutir sobre a decisão do governo do estado, que flexibiliza os pontos do decreto que recomendava o funcionamento de atividades consideradas essenciais em razão da pandemia do novo coronavírus. 

Na reunião, ficou decidido que não haverá mudanças do decreto em vigor que garante a suspensão de atividades não essenciais no município. A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou, em 30 de janeiro de 2020, que o surto da doença causada pelo novo coronavírus (COVID-19) constitui uma Emergência de Saúde Pública de Importância Internacional – o mais alto nível de alerta da Organização, conforme previsto no Regulamento Sanitário Internacional. 

Em razão da pandemia, atividades que envolvam grandes aglomerações em ambientes fechados, durante o período de circulação dos agentes causadores de síndromes gripais, como o novo vírus, devem se manter suspensas. No município de Lajeado ainda não foi registrado nenhum caso suspeito de infecção por Covid-19. No entanto, o Brasil confirmou 25.262 casos e 1.532 mortes até a tarde do dia 14 de abril de 2020. 

 

Com informações da OMS e do Ministério da Saúde

Ministério da Agricultura e prefeitura de Lajeado firmaram convênio para aquisição de uma retroescavadeira

Ministério da Agricultura e prefeitura de Lajeado firmaram convênio para aquisição de uma retroescavadeira

A licitação do processo de aquisição do maquinário pode ser conferida no Diário Oficial; 

A prefeitura de Lajeado assinou convênio com o Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento para aquisição de uma retroescavadeira. A máquina será utilizada para atender os serviços públicos de estradas e rodovias do município e também vai oferecer apoio à zona rural pela Secretaria Municipal de Agricultura. O investimento que será feito na máquina é de  R$ 236.000,00. 

Segundo o secretário de Agricultura, Washington Martins, o recebimento de implementos agrícolas e de um maquinário representa desenvolvimento no município. “Fiz um levantamento e hoje a cidade tem aproximadamente 140 km de estradas vicinais, algumas são rotas escolares mas todas são transitáveis. No momento, as condições dessas estradas não são as melhores, mas acredito que com a aquisição da nova retroescavadeira vamos agilizar nosso trabalho”, pontua. 

O prefeito do município, Júnior Bandeira, conta que a aquisição da máquina vai ampliar a prestação dos serviços e ainda garantir que as estradas vicinais estejam seguras para tráfego. “Nós vamos adquirir essa máquina pensando no desenvolvimento da cidade e na segurança das pessoas. Nos comprometemos com a melhoria e queremos atender tanto a zona rural como a urbana no município”, disse.

 

Por Amanda Mitaly

Secretaria de Assistência Social de Lajeado oferece orientação para tirar dúvidas sobre o Auxílio Emergencial

Secretaria de Assistência Social de Lajeado oferece orientação para tirar dúvidas sobre o Auxílio Emergencial


Os encontros só serão possíveis a partir de agendamento pelo número (63) 3519-1258; Pagamento da primeira parcela será até 14 de abril.

A Secretaria de Assistência Social de Lajeado começou a atender nesta segunda-feira, 13/04, cidadãos que querem tirar suas dúvidas sobre o Auxílio Emergencial. Inscritos no Bolsa Família, Microempreendedores individuais (MEI), contribuintes individuais do INSS, inscritos no Cadastro Único (até 20/03/2020) e informais que não fazem parte de nenhum cadastro do Governo Federal e que se enquadram na lei podem se dirigir até o CRAS para receber as orientações, a partir das 08h da manhã.

Para tirar as dúvidas com a  equipe do CRAS é preciso que o cidadão esteja com os seguintes documentos em mãos: RG, CPF, comprovante de residência e certidão de nascimento dos filhos. As informações vão desde os procedimentos para se cadastrar e receber o valor, até outras dúvidas mais simples, mas que merecem esclarecimento para ajudar o usuário a conhecer todos os seus direitos sobre esse pagamento.

Com o intuito de facilitar o acesso dos cidadãos, a Caixa Econômica Federal lançou o site e o aplicativo para que trabalhadores informais, autônomos, desempregados e MEIs possam solicitar o auxílio emergencial de R$ 600. Pessoas que já recebem Bolsa Família e que estão inscritas no Cadastro único não precisam se inscrever no aplicativo.

O benefício teve seus procedimentos registrados na Portaria nº 351, publicada no Diário Oficial da União na última terça-feira, 07.04, e foi disponibilizado para garantir uma renda mínima aos brasileiros em situação mais vulnerável durante a pandemia do Covid-19 (novo coronavírus). Também há uma central telefônica para agendar os atendimentos no município (63) 3519-1258.



Por Amanda Mitaly

Com informações do Ministério da Economia e da Cidadania.